Bombeiro Rafa

Teatro Vannucci

Temporada: De 11 de janeiro a 16 de fevereiro
Horários: Sábado, Domingo e Feriados às 17h10
Ingressos: R$ 60,00 (inteira) | R$ 30,00 (meia)
Duração: 55 min.
Classificação: Livre


Sinopse:

Bombeiro Militar; ator; comediante; autor; criador da série “Amigos do Pelotão”, exibida na TV Brasil, Rafa luz; estreia em 2020 o musical infantil: “O Bombeiro Rafa e o canhão de bola de sabão”, sobre os cuidados que as crianças devem ter em situações de emergência. Rafa Luz é bombeiro desde 2010 e já foi condecorado duas vezes por bravura. Recebeu também do Comando Geral da corporação a medalha “Avante Bombeiro”, em reconhecimento ao seu trabalho com as crianças.

Em 2012, após uma criança de 9 anos perder a vida em um incêndio em Itapecerica da Serra (SP), por não saber se comportar em situações de emergência, Rafa tomou a decisão de realizar algum tipo de trabalho que pudesse aliar conhecimento com diversão. Com o total apoio e permissão de seu comandante, Rafa iniciou um trabalho de conscientização nas escolas. Foi ai que nasceu “O Bombeiro Rafa“ que com a ajuda do seu mascote o cachorrinho Torrado, um fantoche, consegue tornar mais lúdica a transmissão de mensagens educativas que podem salvar vidas.

Em 2018 Rafa conseguiu um pequeno espaço diário (2 minutos semanais) na programação da Tv Brasil, onde foi o ar a série “Amigos do Pelotão”, uma atração em formato de programetes, onde Rafa e seu cachorro Torrada dividem uma oficina no quartel do bombeiro. Entre brincadeiras, histórias criativas e situações inusitadas, Torrada aprende a prevenir acidentes e a se divertir de forma segura. Hoje o Pelotão cresceu e além de Torrada existem o Doutor Hidro, a mangueira Vel e o extintor Estênio. Também surgiram os vilões: o gato Fumaça e seu ajudante, o atrapalhado cachorro Bisonho. Todos bonecos feitos em parceria com o Beto Dorneles, da Tv Colosso.


Ficha Técnica:

Idealizador: Rafael Luz
Roteiro: Antônio Bastos e Rafael Luz
Redação final: Rafael Luz
Direção: Ernesto Piccolo
Ass. de Direção: Glauce Carvalho
Direção de Produção: Érika Thomas
Produção: Roberta Marinho Duarte
Produção Executiva: Glauce carvalho Co Produção Setembro Produções
Música Original: Rafael Luz
Arranjos e Mixagem: Caio Barreto
Diretor de Bonecos: Beto Dorneles
Manipuladores: Zé Clayton, Fernanda Silveira
Vozes e Manipulação: Renata Benicá, Antonio Bastos, Fernanda Silveira, Ju Marins


Serviço:

Teatro Vannucci – R. Marquês de São Vicente, 52 – Gávea, Rio de Janeiro – Telefone: (21) 2274-7246

3 Porquinhos e o Lobonzinho

Teatro Vannucci

Temporada: De 11 de janeiro a 02 de fevereiro
Horários: Sábados, domingo e feriados às 18h30
Ingressos: R$ 60,00 (inteira) | R$ 30,00 (meia)
Duração: 50 min.
Classificação: Livre


Sinopse:

“3 Porquinhos e o Lobonzinho” retornam em temporada no Rio de Janeiro, aos sábados, domingos e feriados, às 18h30, no Teatro Vannucci, Shopping da Gávea – Rio de Janeiro/RJ.
Com roteiro adaptado de um dos maiores clássicos de todos os tempos, o espetáculo teatral infantil “3 PORQUINHOS E O LOBONZINHO” traz uma releitura contemporânea, que despertará interesse das crianças pela abordagem de temas relacionados à preservação do meio ambiente, respeito ao próximo, aos animais e noções de cidadania, tudo de uma forma lúdica e bem humorada.
“Será uma grande diversão! Os 3 Porquinhos terão figurinos jamais vistos em peças infantis, com diálogos divertidos, muita ação e interação com as crianças. Depois de um enorme sucesso com a Chapeuzinho Vermelho, estamos trazendo novamente o Lobonzinho, um lobo bonzinho preocupado em ajudar o próximo e comprometido com o meio ambiente só reforça a importância de ações e atitudes positivas para as crianças. Não poderíamos deixar passar a oportunidade de mudar a trajetória do lobo mau trazendo mensagens de bom comportamento. No final da peça as crianças irão enlouquecer com eles durante as fotos”, situam as roteiristas Ana Ferguson e Solange Bighetti.
Toda a caracterização dos personagens foi idealizada com muito cuidado e carinho, com o intuito de aproximar o pequeno espectador para o seu universo lúdico. Os figurinos dos 3 Porquinhos foram confeccionados especialmente para o espetáculo, com profissional altamente capacitado. O cenário, totalmente harmonizado com o figurino, faz referências ao clássico infantil e forma leve e divertida. “Após uma pesquisa, estamos produzindo uma peça com roteiro adaptado de um dos mais tradicionais contos infantis, trazendo cenas e diálogos contemporâneos, além de reunir uma equipe comprometida com o objetivo da peça, trazendo diversão e mensagens de cidadania, tão importante nos dias de hoje”, reforça Luiz Marcelo Legey, Diretor de Produção.


Ficha Técnica:

Texto adaptado de Ana Ferguson e Solange Bighetti
Direção: Ana Ferguson, Luiz Marcelo Legey e Solange Bighetti
Assessoria de Imprensa: Eliana Brito e Tania Figueira
Música Lobonzinho: Solange Bighetti
Voz música Lobonzinho: Tiago Garcia
Imagens: Edu Salles

Serviço:

Teatro Vannucci – R. Marquês de São Vicente, 52 – Gávea, Rio de Janeiro – Telefone: (21) 2274-7246

A Floresta do Faz de Conta

Teatro Vannucci

Temporada: De 04 de janeiro a 29 de abril
Horários: Sábados, domingo e feriados às 16h
Ingressos: R$ 60,00 (inteira) | R$ 30,00 (meia)
Duração: 50 min.
Classificação: Livre


Sinopse:

O malvado Bruxo Malvino rouba a varinha de condão, que controla todos os finais felizes, do poderoso Mago Merlin. Com esta varinha, aliado à sua noiva, a Bruxa Trinebrosina, ele pretende acabar com todos os finais felizes dos Contos de Fadas.

Branca de Neve, Ariel, Aurora, Bela, Jasmine, Cinderela e Princesa Sofia são convocadas às pressas para uma convenção para decidirem como evitar que isso aconteça. Elas contarão com a ajuda do Príncipe Valente e da Bruxinha Bela para recuperar a varinha de condão e salvar todos os Contos de Fadas!


Ficha Técnica:

Bruxinha Bela: Yasmin Lifer
Trinebrosina: Beta Brito
Bruxo Malvino: Rennato Cinelli
Príncipe Valente: Renato Calvet
Cinderela: Catarina Viamonte
Bela: Manu Calmon
Branca De Neve: Julia Nogueira
Jasmine: Paula Tavares
Ariel: Larissa Leal
Aurora: Jullie Costa
Princesa Sofia: Duda Castello Branco

Texto e Direção: Renato Calvet
Arranjos Vocais: Thiago Garcia
Coreografias: Dharck Tavares
Iluminador: Marco Cardi
Operador de Som: Marcelo Farias
Cenário: Mario Pereira
Figurino: Paulo Kandura
Camarim: Rosana Chaves
Produção Executiva: Kelly Maurelli
Produção: Beta Brito e Renato Calvet
Realização: Castello Branco Produções Artísticas Ltda.

Serviço:

Teatro Vannucci – R. Marquês de São Vicente, 52 – Gávea, Rio de Janeiro – Telefone: (21) 2274-7246

Uma Relação Tão Delicada

Teatro Vannucci

Temporada: De 10 de janeiro a 08 de março
Horários: Sextas e Sábados às 20h00
Ingressos: R$ 75,00 (inteira) | R$ 37,50 (meia)
Duração: 90 min.
Classificação: 14 anos


Sinopse:

Magazine Luiza apresenta a peça francesa “Uma Relação Tão Delicada”, de Loleh Bellon com adaptação de Rita Guedes, e direção de Ary Coslov, é uma peça envolvente, emocionante e, com doses de humor, narra a história de duas mulheres.

Charlotte, a mãe, e sua filha, Jeanne,são unidas por um vínculo amoroso ao mesmo tempo forte e terno.
Charlotte é vivida, da fase adulta à velhice, pela atriz Rita Guedes. E Jeane,da infância à fase adulta, é interpretada por Letícia Isnard.

O texto propõe mergulhar naquilo que há de mais frágil e, ao mesmo tempo, singular da relação entre mãe e filha. O enredo tem como personagens centrais uma mulher divorciada, Charlotte, e sua filha, Jeanne, num face a face que marca suas vidas. No presente de seus diálogos, que trazem as memórias de sua vida conjunta, as épocas se
confundem, se sucedem em desordem.

É assim que a criança desejosa da presença e do amor de sua mãe é sucedida pela mãe, enfraquecida pela idade, e que acaba por reproduzir a mesma demanda que sua filha necessitava quando criança. Frente a frente, agora estão Jeanne, mulher adulta, emancipada, que tem a sua própria família, enquanto Charlotte envelheceu e perdeu em autonomia. É dessa forma que a peça encena a relação entre essa mãe e essa filha.

“Uma Relação Tão Delicada” é uma realização da GUEDES FILMES e produzido pela atriz Rita Guedes.


Ficha Técnica:

exto: Loleh Bellon
Adaptação: Rita Guedes
Tradução: Andrea Daher
Direção: Ary Coslov
Elenco: Rita Guedes e Letícia Isnard
Iluminação: Aurélio de Simoni
Música: João Paulo Mendonça
Cenógrafo: Marcos Flaksman
Cenotécnico: Humberto Silva e Humberto Silva Jr.
Pintura de Arte: Bidi Bujnowski
Figurino: Tiago Ribeiro
Assistente Figurino: Luciano Lima
Fotografia de Arte: Vinicius Mochizuki
Fotografia de Cena: Jacson Vogel
Visagismo: Branca di Lorenzo e Francisco Gilbert
Assistente de Direção: Marcelo Aquino
Confecção de Figurino: Ateliê das Meninas
Direção de Movimento: Marcelo Aquino
Terapeuta corporal:Victor Vargens
Operador de Luz: Marcão
Operador de Som: Marcelo Farias
Camareiro: José Lima
Diretor de Cena: Márcio da Silva
Design Gráfico: Letícia Andrade
Estagiário de Produção: Ciro Duprat
Prestação de Contas: Heloísa Lima
Contabilidade: Saga Consulting
Advogado: Helder Galvão
Assessoria Imprensa: Acyr Méra Júnior
Coordenação de Produção: Rita Guedes
Produção Executiva: Sandra Valverde
Direção de Produção: Lú Klein

Serviço:

Teatro Vannucci – R. Marquês de São Vicente, 52 – Gávea, Rio de Janeiro – Telefone: (21) 2274-7246

Um Príncipe no divã

Teatro Vannucci

Temporada: De 2 de janeiro até 20 de fevereiro.
Horários: Quintas às 20h
Ingressos: R$ 70,00 (inteira)
Duração: 60 min.
Classificação: Livre


Sinopse:

Fenômeno na Internet, com mais de 1 milhão e 600 mil seguidores no Instagram, e host do talk show “Tá pago com Leandro Hassum”, no Canal de TV a cabo TNT, o ator Victor Meyniel vai levar aos palcos cariocas todo o seu humor e irreverência. No dia 2 de janeiro, o youtuber estreia a comédia “Um príncipe no divã”, de Cacau Hygino, no Teatro Vannucci, no Shopping da Gávea, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Em cena, Victor vai interpretar um Príncipe Encantado que tem um ataque de estrelismo durante as filmagens de A Bela Adormecida. Após uma discussão com a diretora, entra em crise e vai parar no divã. A partir daí, sem papas na língua, o Príncipe, que faz da plateia o seu divã, discorre sobre vários assuntos, desconstruindo personagens de conhecidos contos de fadas. A peça ficará em cartaz toda quinta-feira, às 20h, até 20 de fevereiro, com classificação livre. A direção é assinada por Rogério Fabiano.

A ideia de escrever essa peça surgiu após um outro sucesso escrito por Hygino, o monólogo “Deu a louca na Branca”, estrelada por Cacau Protásio, e que bombou nos teatros do Brasil. “Escrevi essa peça e logo pensei: por que não uma trilogia? Trilogia com os personagens da Disney, da qual sou fã. Primeiro a Branca de Neve, agora o Príncipe Encantado e, futuramente, a Cinderela”, diz o autor.


Ficha Técnica:

Texto: Cacau Hygino. Direção: Rogério Fabiano. Com Victor Meyniel. Sinopse: Durante as filmagens de A Bela Adormecida, o Príncipe tem um ataque de estrelismo e após uma discussão com a diretora, entra em crise absoluta com sua condição de Príncipe Encantando. Ela lhe sugere que sente no divã e resolva seus traumas, reflexo da sua infância. A partir daí, sem papas na língua, o Príncipe faz da plateia o seu divã e discorre sobre assuntos variados e desconstrói vários contos de fadas.


Serviço:

Teatro Vannucci – R. Marquês de São Vicente, 52 – Gávea, Rio de Janeiro – Telefone: (21) 2274-7246

Cadastre-se na nossa Newsletter

Receba todas as novidades do Shopping único como Você! =)

CADASTRE-SE

Obrigado por cadastrar-se! =)